pais e filhos · Pensamentos soltos · Psicologias · Relações humanas · Uncategorized

O meu amor pequenino…

Chamo-lhe “o meu amor pequenino”. O adjectivo nada tem que ver com o tamanho do meu amor mas com o tamanho deste bocadinho de gente objecto deste amor. Mas gente não se mede aos palmos e o meu amor pequenino não vê o mundo à sua proporção. O meu amor pequenino não tem medo das… Continue reading O meu amor pequenino…

pais e filhos · Pensamentos soltos · Relações humanas

Nunca tive um cão

Dia mundial do cão. Nunca tive um cão. Lembro-me como se fosse hoje do dia em que o meu irmão entra em casa, sustendo 2 gatos recém nascidos que alguém abandonara, e do carinho e empenho com que as suas mãos (até então de criança, mas, naquele dia, paternais) os sustinham e cuidavam. Lembro-me como… Continue reading Nunca tive um cão

Escapadelas e experiências · pais e filhos · Pensamentos soltos · Relações humanas · Uncategorized

Pés pretos

Ainda hoje revejo a cor em que, em criança, deixava a água do banho e o contentamento com que observava o seu escurecer assim que os pés pretos entravam na banheira. Pintava orgulhosamente a água, contrariando assim a professora de Ciências da Natureza que ensinava aquela ideia peregrina de que “a água não tem cor”!…… Continue reading Pés pretos

Gravidez-pais-filhos · pais e filhos · Pensamentos soltos · Psicologias · Relações humanas · Uncategorized

Dos Cuidados Intensivos Neonatais para os intermédios

(este post vem no seguimento deste Piso 8. Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais e deste Pari às 28 semanas) Síndrome do ninho vazio”, é assim designado o quadro vivenciado pelos pais quando os filhos saem de casa… E quando os pais, acabados de o ser, regressam a casa sem os filhos, acabados de nascer? Nem… Continue reading Dos Cuidados Intensivos Neonatais para os intermédios